segunda-feira, 19 de dezembro de 2011

O quanto estranha eu to

Parece que as coisas estavam se encaixando pela primeira vez...
Parece que pela primeira vez tudo estava encaminhando pra que houvesse organização da minha vida...
Parece que pela primeira vez Deus não só tinha me presenteado, mas tinha entregue nas minhas mãos esse presente.
Mas o que fazer com esses presentes entregue por Deus, eles não veem com manual de instrução, nos ensinando como cuidar desses presentes pra que não quebre, não de defeito e muito menos seja jogado fora. (perdemos).
Eu tenho tudo em minhas mãos, mas não tenho nada... Incrível como tudo dentro de mim ta estranho, incrível como minha cabeça não sabe mais o que fazer.
Eu erro, assim como todos do mundo erram, mas sera que vou ser condenada por um erro sempre...
Tá estranho esse texto também, assim como eu.. Palavras soltas, jogadas sem nexo...
Tem um milhão de coisas que precisam sair em forma de texto aqui, mas nem to conseguindo.. Enfim to escrevendo pra ve se sai, mas nem isso...
Deus conforta esse coração, trás paz..
A sensação de perda é horrível... Não quero perder, não quero perder, não quero perder... Sou intensa em Tudo em tudo mesmo...
Mais um texto bobo com palavras bobas, que dizem o quanto estranha eu to...

Um comentário:

  1. Os adultos vivem dizendo que a adolescência é um dos perídos mais
    marcantes da vida. Mais o que o adolescente pensa disso? (sinopse do meu blog)
    Acessa o meu blog?
    "Blog de uma adolescente"

    http://blogdeumagarotaadolescente.blogspot.com/

    Espero a sua visita, se gostar do meu blog, segue lá, ficarei muito feliz.
    Desde já obrigada, tenha uma ótima semana.
    Atenciosamente Tainã Almeida.

    ResponderExcluir